Por que investir num e-commerce e qual o caminho para o sucesso?

e-commerce

Abrir um e-commerce virou o objetivo de muitos varejistas após as restrições impostas durante a pandemia causada pela COVID. Porém, você sabia que há diversos outros motivos para se investir nessa forma de comercialização de produtos?

Há muitas vantagens em se ter um e-commerce, como apontaremos neste texto. Entretanto, é necessário ver em primeiro lugar se sua empresa está estruturada para isso. Não basta colocar os produtos em uma plataforma, é preciso pensar estrategicamente e verificar todos os requisitos para a implantação desta ferramenta.

Qual o objetivo de sua empresa com um e-commerce?

Primeiramente, o gestor que está à frente do projeto deve responder a essa pergunta muito simples. Qual o grande objetivo deste e-commerce? É apenas ter mais um canal de vendas? Atingir novas áreas e conquistar públicos diferentes? Reagir a algum concorrente que esteja fazendo barulho online? Todas as alternativas anteriores?

Ter um e-commerce abre muitas possibilidades, é verdade, mas se isso não for feito da maneira correta ele pode inclusive atrapalhar sua loja física. Não são poucos os relatos de conflito entre lojas física e virtual que dificultaram em demasia as atividades de grandes empresas. Sendo assim, tenha claro em sua mente onde quer chegar com seu e-commerce, e faça um plano de negócios para ele de forma separada ao da sua loja física (porém atrelado à sua estratégia global).

Quais as vantagens de se investir em comércio eletrônico?

Dito isso, vamos começar a pensar nas vantagens de um com e-commerce. O primeiro benefício é claro: aumentar a sua área de operação. Se uma loja física tem um alcance que pode variar de alguns metros a quilômetros, a depender de seu porte e características, no e-commerce não há nenhum tipo de limitação neste sentido. Neste modelo, o Brasil (ou até o mundo) passa a ser o seu quintal, e com um bom trabalho de logística o seu alcance passa ser muito maior.

Se antigamente você tinha centenas, talvez milhares de possíveis clientes, o padrão passa a ser na casa das dezenas ou centenas de milhares – talvez milhões. É um incremento de demanda que por si só já justificaria o investimento. Porém, se é tão óbvio assim, por que muitas empresas não investem?

A resposta está na maior dificuldade de 10 em 10 empresas que vão para o comércio virtual: a logística. Se por um lado vender pela internet é “fácil”, fazer o produto chegar ao consumidor de forma segura, rápida e a um custo acessível é o grande desafio. De acordo com o seu produto, a dificuldade apresentada pode ser diferente, como vemos abaixo:

  • Para produtos de baixo valor agregado, o frete pode ficar mais caro do que o próprio preço do produto
  • Já se o seu produto tem um alto valor agregado, haverá uma natural desconfiança se ele chegará – e em boas condições
  • Se por outro lado sua loja é desconhecida do grande público, muitas pessoas ficarão receosas de comprar de você
  • E se você tiver uma marca com reconhecimento do público, haverá uma comparação com a loja física, o que pode ser prejudicial para sua estratégia

Por esses motivos, acreditamos na importância do planejamento de seu e-commerce e integração de todas as áreas da empresa.

Um e-commerce vende 24 horas por dia

Da mesma forma que uma loja virtual aumenta o seu alcance, também há um acréscimo na disponibilidade de tempo, afinal, vende 24 horas por dia. Em outras palavras, o sonho de “ganhar dinheiro enquanto dorme” passa a ser realidade para muitos empresários. Com a vida agitada que a maioria das pessoas têm no mundo atual, é importante dar opções na hora da compra. Assim, estar disponível durante todo o dia, finais de semana e feriados é um diferencial em relação à loja física.

Igualmente à questão anterior, este benefício pode virar um pesadelo caso sua empresa não tenha um bom suporte. Atender aos clientes com o maior leque possível de canais é fundamental neste aspecto. Porém, com um bom planejamento dos canais de atendimento e um desenho claro dos processos de serviços, é possível ofertar uma experiência perfeita em sua loja!

Tenha o controle sobre tudo em tempo real

Uma das maiores vantagens de se trabalhar com um e-commerce é o acesso a todos os dados possíveis e imagináveis de sua loja virtual. Vamos pensar primeiramente em sua loja física. Você sabe quantas pessoas entram nela? Quais produtos elas visualizaram? Há algum conhecimento de sua parte sobre a taxa de conversão de clientes que entraram/compraram da sua loja? E quanto ao perfil demográfico de quem visita seu estabelecimento físico, você sabe qual é?

Pois bem, todas essas (e muitas outras) informações estão acessíveis em tempo real em um e-commerce. Com o seu celular é possível verificar tudo que está acontecendo, ajustar preços, produtos, programar ofertas. Além disso, com o acesso a esses dados é possível planejar campanhas de remarketing usando as Mídias Programáticas de Display. Como vocês podem ver, é um trabalho que vai se retroalimentando constantemente.

A pandemia ainda é uma ameaça para varejos físicos

Apesar de termos passado (aparentemente) pela fase mais aguda da pandemia no Brasil, ela ainda é um risco muito forte. Alguns países da Europa já estão na segunda onda de fechamento de lojas, e nada impede que essa realidade recaia sobre o varejo brasileiro também. Outro motivo que pode significar uma queda de movimento a médio e longo prazo é a mudança no hábito dos consumidores. As restrições impostas e o trauma causado pela COVID-19 poderão fazer com que muitas pessoas deixem de comprar presencialmente.

Ao menos em um futuro próximo, é difícil pensar em total normalidade no varejo físico. Dar essa opção para quem quer comprar no conforto e segurança do lar pode ser o diferencial em relação ao seu concorrente. Além do mais, muitas pessoas que experimentaram a compra online somente agora aderiram definitivamente a este novo modelo de compra. Portanto, estar disponível com um e-commerce passou a ser uma questão de sobrevivência para muitas empresas.

O e-commerce traz baixo risco e custos menores

Juntamente com os fatores citados anteriormente, há dois outros motivos para você criar um e-commerce para sua empresa: o risco e o custo são baixos.

Quando você coloca uma loja virtual no ar, não tem muitos investimentos: a plataforma em si, o trabalho de estratégia por trás dela e a questão logística. Para quem já tem uma loja física, não há necessidade de investimento em estoque, pois já existe algo nesse sentido. Ou seja, em um primeiro momento você precisa apenas colocar a loja no ar.

Ao contrário de um varejo físico, no qual você tem despesas com aluguel, funcionários, segurança, entre outros, no e-commerce não precisa de nada disso. Apenas um bom servidor, uma empresa que te ajude a gerenciar e divulgar o negócio, e o resto do custo é de acordo com a demanda.

Por causa do custo mais baixo, o risco acaba sendo também. Afinal, você não tem muito a perder, ao menos da forma que teria com uma estrutura física, longos contratos de aluguel e despesas operacionais maiores.

Ainda por causa do custo menor, você consegue repassar um preço mais atrativo ao seu consumidor, e dessa forma começa a competir com empresas de porte muito maior, ou que estão há mais tempo no mercado.

Utilize estratégia multicanais

Se após ler este texto ainda houver alguma dúvida sobre criar ou não um e-commerce, lembre-se que ele não compete com outros canais – ele complementa. Hoje em dia é muito comum vermos empresas vendendo pela loja virtual e permitindo a retirada ou troca na loja física, por exemplo.

Pensar de forma multicanal evita conflitos, e ainda abre um universo de possibilidades de atuação juntando o online com o offline. Isso também permite uma transição mais suave entre modelos, e uma melhor adaptação por parte do seu público-alvo

Entre em contato com a C8L!

Ficou interessado em ter o seu próprio e-commerce, mas não sabe como fazer? Entre em contato agora mesmo com nossa equipe! Fazemos desde o planejamento de sua loja virtual até a implantação, passando pela parte de logística e colocando este projeto dentro de seu plano de negócios.

Não utilize ferramentas amadoras, dê à sua empresa a estrutura que ela merece e precisa!

Open chat